EN  /  PT

2021 e as tendências de inovação que prometem revolucionar


act blog2 capa

2021 está chegando e com ele hubs, tendências e tecnologias que prometem transformar ainda mais o mercado em expansão. A chamada 4ª Revolução Industrial marca uma era de inovação sem precedentes, e as mudanças e adaptações que precisaram ser adotadas durante a pandemia, elevaram a sociedade a um novo patamar digital, uma nova realidade.

Além dos gigantes da inovação que já conhecemos, como o Vale do Silício nos EUA, Japão e a China que vem tomando espaço na Nova Economia, outros países como Israel e Portugal já se destacam. Apesar de pequeno, Israel é um dos países mais avançados do mundo, segundo o Índice Global de Inovação da Organização das Nações Unidas, e hoje é reconhecido como um dos mais importantes polos de empreendedorismo.

Portugal por sua vez, venceu severas crises econômicas e hoje, graças a uma série de políticas públicas focadas em infraestrutura, se transformou em um celeiro global de startups, um dos principais hubs de tecnologia mundial. Além de contar com uma forte rede de investidores, o país também tem grande “massa criativa” e facilidade em atrair talentos de diferentes culturas.

Estratégias e Tecnologias para 2021

Segundo estudos do Gartner, para o próximo ano as tendências de tecnologia estratégica giram em torno de 3 temas principais: centricidade nas pessoas, independência de localização e entrega resiliente.

Especialistas de mercados globais como China, EUA e Brasil, também enfatizam que o foco não será a tecnologia em si, mas sim o movimento das marcas para agirem de maneira mais humana.

A inovação combinatória passa a fazer parte deste novo cenário e permite que as organizações atuem com maior flexibilidade, para enfrentarem os possíveis desafios dos próximos anos.

Top Strategic Technology Trends by Gartner

 

1. Privacy Enhancing Computation

Essa tecnologia chega como um avanço essencial para garantir o uso dos dados sem comprometer a confidencialidade. As Privacy-Enhanced Computation Techniques (PETS) usam técnicas para minimizar a posse de dados pessoais sem perder a funcionalidade de um sistema de informações.

2. Total Experience

Multiexperiência, experiência do cliente, experiência do colaborador e experiência do usuário, são tendências que reforçam a importância do contato dentro e fora do ambiente digital, de modificar a cultura das empresas e transformar os resultados dos negócios.

3. Internet of Behaviors

O uso de dados sobre hábitos digitais para influenciar comportamentos passa a ser uma ferramenta importante para empresas e órgãos públicos de diferentes países, porém levanta a preocupação sobre como coletar, navegar e usar essas informações sem desrespeitar a nova legislação.

4. Distributed Cloud

As nuvens distribuídas permitem uma infraestrutura geograficamente dispersa, porém com governança e operações centralizadas em um único provedor responsável. Maior redução de custo, segurança a e conformidade para um mercado ainda em transformação.

5. Anywhere Operations

Resumidamente, esse tipo de operação permite que os negócios sejam acessados, processados e entregues em qualquer lugar, independentemente de onde os clientes, colaboradores e parceiros estiverem. Um modelo vital para as empresas crescerem diante dos desafios gerados pela COVID-19.

6. Cybersecurity Mesh

Essa abordagem arquitetônica distribuída garante maior controle de todas as operações, com uma cibersegurança escalonável, flexível e confiável. Uma proposta modular e responsiva, que centraliza a orquestração de políticas de segurança com maior rapidez e efetividade.

7. Intelligent Composable Business

De maneira geral, essa tendência enfatiza a importância da flexibilidade e da agilidade na tomada de decisões por parte das organizações. Para isso, é preciso melhorar o acesso às informações, aumentar a autonomia em toda a empresa e potencializar a capacidade de responder rapidamente as mudanças do mercado.

8. AI Engineering

No lugar de projetos isolados e especializados, a engenharia de IA a torna parte do processo de DevOps e fornece um caminho mais claro para gerar valor na operacionalização, além de aumentar o desempenho, escalabilidade e confiabilidade.

9. Hyperautomation

A Hiperautomação é impulsionada por um cenário onde as empresas tornam-se cada vez mais digitais e com processos de negócios legados complexos, que necessitam de tecnologias otimizadas, conectadas e acessíveis.

O que você acha de cocriar novas tendências com a gente?

Estamos preparados para apoiá-lo em qualquer desafio.

Como podemos impactar seu negócio?

Fontes: Gartner, Forbes



Leia outras notícias e conteúdos.