EN  /  PT

Streaming ganha força no mercado e cresce mais de 20% durante a pandemia


Imagem1 act jan

Quem vivenciou a época de ouro das fitas vídeo e CD´s sabe da caminhada que a tecnologia percorreu até chegar aos conteúdos digitais. As locadoras de vídeo foram substituídas pela Netflix que começou a oferecer seus serviços em 2007, de lá para cá ganhou dezenas de concorrentes e similares que disputam diferentes gostos.

Em 2020 os serviços de streaming ganharam força, e o que antes era apenas um complemento de entretenimento, passou a ser uma das principais fontes de diversão da população. Segundo dados da Conviva, uma plataforma de monitoramento de streaming, a audiência desses serviços de audiovisual cresceu 20% desde o início da pandemia. Só no mês de março, esses serviços contabilizaram um crescimento de mais de 15% em todo o mundo, comparado aos números de 2 semanas anteriores.

Já no Brasil o uso de streaming cresceu mais de 180%, só no mês de outubro de cada 100 aparelhos ligados no país, cerca de 16 estavam conectados aos serviços de streaming, nas 15 maiores regiões metropolitanas.

Essa mudança gerada pelos impactos de um novo cenário, com novas demandas e limitações, influenciou não só o mercado de entretenimento como também alterou significativamente uma série de hábitos de consumo e preferências por parte dos usuários.

Um exemplo vivo foi o case de uma das séries que estreou no final de outubro na Netflix e gerou um crescimento de 114% na busca por jogos de xadrez na J’adoube, empresa especializada no jogo. Além disso, a atração colocou o livro no qual se baseia a produção na lista dos best-sellers dos EUA, mesmo após 40 anos de seu lançamento.

Usuário no Comando

Para acompanhar essa transformação do mercado, muitas empresas estão reorganizando e reestruturando seus serviços para não perderem dinheiro e nem ficarem para trás. O Grupo Globo, o maior conglomerado de mídia e comunicação do Brasil e da América Latina, anunciou no começo deste ano o lançamento da sua marca que unifica a TV aberta, por assinatura, streaming e plataformas digitais da companhia.

A jornada da mídia omnichannel está apenas começando e é com o usuário no comando que muitas oportunidades de mercado estão sendo geradas.

Engajamento e interação são palavras mágicas para conquistar o consumidor, e hoje mais do que nunca, torna-se essencial essa transição dos antigos formatos de mídia e comunicação para os novos que exploram recursos como multicanalidade, dinamismo, realidade aumentada (RA), Inteligência Artificial (IA) e muito mais.

Marcas inteligentes também devem olhar para essas mudanças e aproveitar a onda para se conectarem aos seus clientes. Dados da Livestream mostram que 81% dos internautas preferem assistir a um vídeo ao vivo de uma marca do que ler um blog, enquanto 82% preferem vídeos ao vivo de uma marca aos posts em redes sociais.

A publicidade está se transformando e empresas (grandes e pequenas, nacionais e internacionais) já começam a investir em influenciadores digitais, lives nas Redes Sociais, vídeos no IGTV, entre outros formatos para manterem-se mais próximas de seus clientes.

Tecnologia, conectividade e eficiência precisam andar juntas para entregar mais do que conteúdos e serviços. É preciso agregar valor social, resolver problemas reais e participar da vida dos consumidores, é isso que este novo cenário pede e as organizações precisam estar preparadas.

Case Study – Performance Analytics Solution

Nós da act digital estamos atentos a essas transformações, e já há alguns anos, trabalhamos para ajudar nossos clientes nessa adaptação. Criar e desenvolver seu próprio projeto de streaming pode ser um grande desafio para as empresas, mas contamos com tecnologia de ponta, potencial estratégico e profissionais especializados, prontos para elaborar a melhor experiência aos usuários, do começo ao fim. Visite nosso portfólio para saber mais.

No case de Performance Analytics Solution, realizamos um processo de imersão e entendimento completo das necessidades e diretrizes de negócio do nosso cliente. A partir deste ponto, desenvolvemos uma base de análise para extração, ingestão e transformação de dados com tecnologia de ponta para acompanhar mais de 130 fontes de métricas de desempenho e envolvimento do usuário com a plataforma de streaming, além de outras funções disponibilizadas em tempo real.

Quer saber mais detalhes, acesse case completo.

Fontes: Forbes, UOL, Meio e Mensagem



Leia outras notícias e conteúdos.