EN  /  PT

Transformação digital do mercado financeiro

Transformação digital do mercado financeiro


O mercado financeiro não para: enquanto o Pix é o 3º método de pagamento mais utilizado online, open banking avança e já está partindo para a fase final de implantação.

Dados de uma pesquisa da MRM Commerce com a MindMiners, feita com mil consumidores em todas as regiões do país, apontam os métodos de pagamento mais utilizados nas compras online feitas no mercado financeiro. O cartão de crédito aparece em primeiro lugar (59%), seguido de boleto bancário (15%), Pix (11%) e cartão de débito (8%).

Além do recém-lançado Pix, o Open Banking aparece com mais destaque dentro da cadeia de ações do Banco Central. Traduzido como Banco Aberto, ou Sistema Bancário Aberto, é um termo da área de serviços financeiros relativo a um conjunto de regras sobre o uso e compartilhamento de dados bancários pessoais e informações financeiras entre instituições do mercado financeiro.

João Felipe Alves dos Anjos, Diretor Comercial da act digital, destaca uma das principais vantagens da nova prática do mercado financeiro. “Um dos benefícios do Open Banking aos usuários é que, ao invés do consumidor ir atrás de soluções financeiras, os bancos poderão oferecer produtos e serviços personalizados. Quando, por exemplo, vamos ao banco para pedir um empréstimo, não há sentido ele nos oferecer uma carteira de investimentos. Daí surge o Open Banking, trazendo o conceito de atender as necessidades de forma assertiva ao invés de oferecer um leque enorme de funções.”, comenta.

Outro ponto interessante é que todo o histórico de crédito bancário que o cliente construiu ao longo da sua vida, com todas as instituições financeiras, não é esquecido. Tanto as contas pagas em dia como os seus salários recebidos, por exemplo, passam a ser informações que definem o seu perfil como cliente – o que torna mais simples o processo de relacionamento com qualquer instituição financeira.

Desafios do agora

De acordo com João, estamos na fase em que os bancos e o mercado financeiro começam a padronizar sistemas para trocar informações. É importante que haja cuidado e atenção para que o processo não apresente falhas. Por conta disso, alguns erros simples na troca de dados podem ocorrer. Para os técnicos de plantão que estão participando de um projeto como este, se atentar à integração entre APIs é uma dica valiosa.

João também reforça o que é, para ele, o ponto mais importante a se implementar em relação ao mercado financeiro. “Reinventar o internet banking para um olhar mais moderno, que melhora a experiência do usuário pensando em Design Thinking e análise dos dados, é o grande desafio a partir de agora. O Open Banking chegou para que as informações sejam mais bem analisadas, entregando agilidade e qualidade ao cliente”, reforça.

Para ter mais informações sobre transformações digitais, continue acompanhando a gente por aqui.